Editorial TSP Educação Eleições Contas Públicas Imprensa Política Precatórios Privatizações Saneamento Saúde Segurança Pública Servidores Transporte
Agora São Paulo Assembléia Permanente Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Vi o Mundo
Canal no You Tube
Agora São Paulo Assembléia Permanente BBC Brasil Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Reuters Brasil Vi o Mundo

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Após temporal, cinco regiões ainda estão sem luz nesta terça-feira

/ On : terça-feira, fevereiro 22, 2011 - Contribua com o Transparência São Paulo; envie seu artigo ou sugestão para o email: transparenciasaopaulo@gmail.com


Vila Mariana, Vila Maria, Mooca, Tremembé, Santana e Tatuapé estão sem abastecimento


A cidade de São Paulo ainda tinha cinco regiões sem luz, por volta das 7h desta terça-feira (22), após o temporal do início da tarde de segunda-feira(21). De acordo com a Eletropaulo, as regiões da Vila Mariana e Mooca, na zona sul da capital, além da Vila Maria, Tremembé, Santana e Tatuapé, ainda estavam com o abastecimento prejudicado no horário. Em todas essas regiões, segundo a empresa, a falta de luz foi provocada pela queda de árvores de grande porte em cima da fiação. 




Para que o abastecimento seja retomado, é necessário aguardar o trabalho de remoção das árvores pela Defesa Civil. A Eletropaulo afirmou que não há previsão para que a luz volte nas regiões. Ainda por causa da chuva, SP amanheceu com 110 semáforos com problemas. A maior parte deles, 56, estava apagada no horário, segundo dados da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego). Outros 23 equipamentos não estavam funcionando por falta de emergia elétrica e 31 estavam no amarelo piscante. 

O temporal que atingiu a capital paulista levou caos à cidade. O CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências) chegou a registrar 37 pontos alagados. Pelo menos 170 árvores caíram na cidade. 

Por causa da chuva, os córregos Ipiranga, na zona sul, eJaçanã, na zona norte, transbordaram e o CGE decretou alerta para essas regiões. O término da situação foi decretado para o Jaçanã às 15h30. Toda a cidade foi colocada em estado de atenção para o risco de alagamentos às 14h40. 

A CET registrava, às 17h30, 67 semáforos apagados em decorrência da tempestade que atingia a capital na tarde desta segunda-feira. De semáforos piscantes, a companhia contabilizava 45. 

O aeroporto de Congonhas, na zona sul da cidade, foi fechado para pousos e decolagens às 14h19, e reaberto às 15h. Segundo o CGE, rajadas de vento de 50 km/h atingiram a região. A pista do Campo de Marte, na zona norte, ficou completamente fechada durante cerca de 45 minutos e foi reaberta às 15h47. Apenas o aeroporto de Guarulhos funcionava normalmente na tarde desta segunda-feira. 

As rodovias Dutra e Fernão Dias tiveram parte de suas pistas interditadas por causa de pontos de alagamento provocados pela chuva.


Twitter

Privatizações

Privatizações
Memórias do Saqueio: como o patrimônio construído com o trabalho e os impostos do povo paulista foi vendido
 
Copyright Transparência São Paulo - segurança, educação, saúde, trânsito e transporte, servidores © 2010 - All right reserved - Using Blueceria Blogspot Theme
Best viewed with Mozilla, IE, Google Chrome and Opera.