Editorial TSP Educação Eleições Contas Públicas Imprensa Política Precatórios Privatizações Saneamento Saúde Segurança Pública Servidores Transporte
Agora São Paulo Assembléia Permanente Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Vi o Mundo
Canal no You Tube
Agora São Paulo Assembléia Permanente BBC Brasil Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Reuters Brasil Vi o Mundo

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Serra não cumpre metas na área dos transportes metropolitanos no governo de SP

/ On : quarta-feira, agosto 29, 2012 - Contribua com o Transparência São Paulo; envie seu artigo ou sugestão para o email: transparenciasaopaulo@gmail.com
(do Transparência SP)

Habituados a se auto proclamarem exemplos de "eficiência e competência administrativa", os tucanos não passam no teste quando confrontados de verdade. Talvez por isso "fujam" da regionalização do orçamento do Estado, onde teriam que apresentar propostas claras de investimentos em cada região e cidade do Estado, sendo depois cobrados pela população.

De qualquer modo, nas poucas ações orçamentárias em que é possível identificarmos claramente quais eram as metas dos investimentos propostos, os resultados apresentados pelos quatro anos da gestão Serra a frente do governo paulista foram desalentadores.

Este quadro é mais claro na área do transporte metropolitano, não por outro motivo um dos temas mais debatidos nas próximas eleições municipais em São Paulo.

Conforme Plano Plurianual do governo Serra para o período 2008/2011, prometia-se a implantação completa do Trem Expresso para Guarulhos, do Rodoanel Trecho Leste, da Linha 5 - Lilás do Metrô (Largo 13 à Chácara Klabin), da Linha 2 - Verde do Metrô, do Corredor Metropolitano Guarulhos-Tucuruvi e do Sistema Integrado Metropolitano da Baixada Santista. Esta metas não foram nem de longe cumpridas.

Ações de modernização das diversas linhas da CPTM também não foram atingidas.

Por estas e outras, o caos no transporte público na região metropolitana de São Paulo tem crescido nos últimos anos, com superlotação, acidentes e panes constantes.

Transporte público de má qualidade e renda em alta tem levado as pessoas à solução individual do automóvel. Não dá para culpar o cidadão por esta decisão e o consequente caos no trânsito.

Devemos aprender a cobrar mais as autoridades pela transparência e execução de suas propostas de governo. A grande imprensa, por enquanto, não se presta a este serviço no Estado de SP.


Twitter

Privatizações

Privatizações
Memórias do Saqueio: como o patrimônio construído com o trabalho e os impostos do povo paulista foi vendido
 
Copyright Transparência São Paulo - segurança, educação, saúde, trânsito e transporte, servidores © 2010 - All right reserved - Using Blueceria Blogspot Theme
Best viewed with Mozilla, IE, Google Chrome and Opera.