Editorial TSP Educação Eleições Contas Públicas Imprensa Política Precatórios Privatizações Saneamento Saúde Segurança Pública Servidores Transporte
Agora São Paulo Assembléia Permanente Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Vi o Mundo
Canal no You Tube
Agora São Paulo Assembléia Permanente BBC Brasil Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Reuters Brasil Vi o Mundo

sábado, 8 de outubro de 2011

Dados comprovam privilégio a deputados da base governista na liberação de verbas em SP

/ On : sábado, outubro 08, 2011 - Contribua com o Transparência São Paulo; envie seu artigo ou sugestão para o email: transparenciasaopaulo@gmail.com
Crédito:
Levantamento feito pela assessoria técnica da Bancada do PT, com informações disponibilizadas pelo site oficial, deixa claro a forma não republicana com que o governo de São Paulo trata a liberação de emendas aos parlamentares. Os deputados que compõem a base de sustentação do governo tucano na Assembleia Legislativa tiveram mais emendas contempladas.

De um total de R$ 48 milhões liberados pelo Estado, R$ 15,9 milhões foram para deputados tucanos, R$ 9,6 milhões para parlamentares do DEM e R$ 7 milhões para o PV.
O PT, que compõe a maior Bancada na Assembleia, teve liberado pouco mais de R$ 3 milhões em recursos.

Se compararmos a média por deputado, os números também comprovam a diferença como são distribuídos os valores. Os parlamentares do DEM, PRB e PTB, por exemplo, tiveram cerca de quatro vezes mais dinheiro (cerca de R$ 1 milhão cada) para emendas liberado do que os petistas. Na comparação como o PSDB, os deputados do PT também foram menos favorecidos. Os tucanos tiveram uma média de R$ 693 mil em emendas, enquanto os petistas tiveram apenas R$ 270 mil.

A tabela acima utilizou que os dados que estavam disponíveis no www.saopaulo.sp.gov.br, em 5/10/2011, referentes as liberações de 2010 pela Secretaria de Planejamento e em 2011 pelas secretarias de Planejamento, Cultura, Desenvolvimento Social, Turismo e Saúde.

Twitter

Privatizações

Privatizações
Memórias do Saqueio: como o patrimônio construído com o trabalho e os impostos do povo paulista foi vendido
 
Copyright Transparência São Paulo - segurança, educação, saúde, trânsito e transporte, servidores © 2010 - All right reserved - Using Blueceria Blogspot Theme
Best viewed with Mozilla, IE, Google Chrome and Opera.