Editorial TSP Educação Eleições Contas Públicas Imprensa Política Precatórios Privatizações Saneamento Saúde Segurança Pública Servidores Transporte
Agora São Paulo Assembléia Permanente Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Vi o Mundo
Canal no You Tube
Agora São Paulo Assembléia Permanente BBC Brasil Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Reuters Brasil Vi o Mundo

terça-feira, 5 de abril de 2011

Dengue tipo 4 chega ao interior de SP.

/ On : terça-feira, abril 05, 2011 - Contribua com o Transparência São Paulo; envie seu artigo ou sugestão para o email: transparenciasaopaulo@gmail.com
(do Valor Econômico)

Uma moradora de São José do Rio Preto, no interior paulista, contraiu a dengue tipo 4. É o primeiro caso de circulação desse tipo de vírus no Estado de São Paulo, mas a paciente já está curada. A informação foi divulgada ontem, por meio de nota, pela Secretaria de Estado da Saúde. No comunicado, o órgão destaca que "a paciente não tinha histórico de viagem recente a outros Estados".
Já o município do Rio de Janeiro registrou mais uma morte causada pela dengue. A estudante universitária Fernanda de Freitas, de 19 anos, que estava internada no Hospital Barra D"Or, na Barra da Tijuca, morreu no sábado à noite, vítima da doença.
Exames realizados pelo Instituto Adolfo Lutz confirmaram a ocorrência da dengue tipo 4 em São José do Rio Preto. Até esse caso, havia o registro de transmissão do vírus tipo 1, 2 e 3. "Os pacientes infectados uma vez pelo vírus 1,2 e 3 ficam imunes a eles, mas não aos demais [tipo 4]", alerta a nota da Secretaria de Saúde de São Paulo.
A dengue tipo 4 tem os mesmos sintomas das outras versões, como febre alta, dores de cabeça, musculares e nas articulações, cansaço, indisposição, enjoos, vômitos e manchas vermelhas na pele, acompanhadas ou não de dores abdominais e sangramentos espontâneos. As autoridades advertem que, ao apresentar esses sintomas, os pacientes devem se hidratar, não tomar remédios por conta própria e procurar, imediatamente, orientação médica em uma unidade básica de saúde.
Por meio do Centro de Vigilância Epidemiológica (CVE), a secretaria está enviando comunicados de alerta sobre a possibilidade de um avanço desse tipo de vírus. O surgimento da doença não alterou a rotina dos trabalhos de combate ao mosquito transmissor da dengue, o Aedes aegypti, nem da conduta clínica de atendimento nos serviços de saúde.
Os dados sobre a incidência da dengue em São Paulo indicam uma queda no primeiro trimestre, quando 10,3 mil pessoas contraíram a doença, ante 108,2 mil, em igual período do ano passado - uma redução de 94%. Do total de pacientes, seis morreram, sendo dois casos de pessoas que contraíram o vírus fora do Estado. Nos demais casos, as vítimas moravam em Taubaté, Andradina e Ribeirão Preto.
No Rio, a confirmação da morte da estudante Fernanda de Freitas ocorreu ontem. Os seus pais tentaram interná-la antes, sem sucesso, no Hospital da Barra, antiga Clínica São Bernardo. Embora o hospital afirme que a jovem apresentava apenas uma leve desidratação no momento em que foi atendida, o pai da jovem, Hernani de Freitas, sustenta que houve negligência por parte do Hospital da Barra.
Com a morte de Fernanda, subiu para nove o total de óbitos no município, elevando para 25 o total de vítimas em todo o Estado. O número total do Estado, no entanto, pode ser ainda maior, tendo em vista que outros casos de possíveis vítimas da doença continuam a ser investigados.
No município do Rio, o número de casos de dengue confirmados chega a 14.720.

Twitter

Privatizações

Privatizações
Memórias do Saqueio: como o patrimônio construído com o trabalho e os impostos do povo paulista foi vendido
 
Copyright Transparência São Paulo - segurança, educação, saúde, trânsito e transporte, servidores © 2010 - All right reserved - Using Blueceria Blogspot Theme
Best viewed with Mozilla, IE, Google Chrome and Opera.