Editorial TSP Educação Eleições Contas Públicas Imprensa Política Precatórios Privatizações Saneamento Saúde Segurança Pública Servidores Transporte
Agora São Paulo Assembléia Permanente Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Vi o Mundo
Canal no You Tube
Agora São Paulo Assembléia Permanente BBC Brasil Brasília Confidencial Carta Capital Cloaca News Conversa Afiada Cutucando de Leve FBI - Festival de Besteiras na Imprensa Jornal Flit Paralisante NaMaria News Rede Brasil Atual Reuters Brasil Vi o Mundo

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Pesquisas eleitorais serão investigadas por Justiça e Polícia Federal

/ On : quarta-feira, maio 12, 2010 - Contribua com o Transparência São Paulo; envie seu artigo ou sugestão para o email: transparenciasaopaulo@gmail.com

                  
extraído do Escrevinhador (Rodrigo Vianna) 

O Movimento dos Sem Mídia, por meio de uma representação, conseguiu que as pesquisas eleitorais sejam alvo de uma auditoria.  Serão investigadas pesquisas já feitas e as que ainda serão realizadas dos institutos Datafolha, Ibope, Sensus e Vox Populi.

Leia abaixo o texto de Eduardo Guimarães, presidente do Movimentos dos Sem Mídia.

===
Justiça e PF investigarão pesquisas

A evidente seriedade da representação do Movimento dos Sem Mídia à Procuradoria Geral Eleitoral foi reconhecida e as pesquisas eleitorais feitas e por fazer neste ano eleitoral serão auditadas.

É uma vitória da sociedade e uma derrota para aqueles que pretenderam ludibriá-la através de uma estratégia injusta, ilegal e imoral.

A imprensa (Globos, Folhas, Vejas, Estadões e congêneres) acusa os institutos Sensus e Vox Populi; a imprensa alternativa acusa o instituto Datafolha e o Ibope. Veremos, agora, quem tem razão.

Abaixo, reproduzo a nota que enviei a vários meios de comunicação, inclusive à Blogosfera. Em seguida, faço um último comentário 

A quem possa interessar:

Conforme informações obtidas pelo Departamento Jurídico do Movimento dos Sem Mídia — MSM  – na tarde desta 3a. feira, 11/05/2010, em Brasilia – DF,  a Vice-Procuradora Geral Eleitoral do Ministério Publico Eleitoral Federal, Dra. Sandra Cureau, acolheu a representação de nossa Organização no sentido de que as pesquisas feitas e por fazer em 2010 pelos institutos de pesquisa Datafolha, Ibope, Sensus e Vox Populi, sejam auditadas.

A Procuradoria determinou em despacho que  “se extraiam cópias na íntegra da Representação Eleitoral do MSM e da lista de adesões dos cidadãos brasileiros que a apoiaram,  remetendo os documentos à Superintendência da Polícia Federal em Brasília – DF, para que a Polícia Federal proceda a Abertura de inquérito Policial para apurar suposta prática de Crime Eleitoral de Realização e Divulgação de Pesquisa Eleitoral Fraudulenta”.

O processo junto à Procuradoria Geral Eleitoral – DF recebeu o número 4559.2010-33

Atenciosamente,
Eduardo Guimarães
Movimento dos Sem Mídia
Presidente 

O MSM, com sua ação na Justiça, poderá mudar a história desta eleição ao impedir que pesquisas eleitorais sejam usadas para enganar o eleitorado. A menos que os que andaram cometendo fraude decidam desafiar a lei...

Cumprimento, pois, a todos os que, ao meu lado, ao lado do nosso diretor jurídico, Antonio Donizeti, enfim, ao lado do Movimento dos Sem Mídia, firmaram a lista de apoios à iniciativa de nossa organização. Posso garantir que as cerca de duas mil assinaturas virtuais pesaram muito na decisão da Justiça Eleitoral

Esta é, legitimamente, uma vitória da democracia brasileira.

Twitter

Privatizações

Privatizações
Memórias do Saqueio: como o patrimônio construído com o trabalho e os impostos do povo paulista foi vendido
 
Copyright Transparência São Paulo - segurança, educação, saúde, trânsito e transporte, servidores © 2010 - All right reserved - Using Blueceria Blogspot Theme
Best viewed with Mozilla, IE, Google Chrome and Opera.